<p>Redes sociais – A que ponto chegou nossa atávica ironia barroquista ou a falácia da argumentação desarmamentista!<p>

Circulam nas redes sociais dois posts interessantes que demonstram nosso atávico apego pelo barroquismo mental e pelas falácias da argumentação barroquista! O primeiro trata-se de um comparativo sobre a média de assassinatos entre duas cidades americanas, Chicago, onde é proibida a venda e posse de armas, e Houston, onde é liberada. Segue-se ao post o comentário irônico, não fosse trágica a farsa desarmamentista em que está comprometida a maior parte de nossa “inteligência”, sobretudo jornalistas, artistas e intelectuais de viés esquerdista.

O segundo post é um sucesso nas redes e demonstra com eloquente cinismo toda a nossa acrobacia mental para “justificar” a falácia desarmamentista!

 

Deixe uma resposta