A partir da crítica de uma reportagem da DeuscheWelle sobre as eleições no Brasil, Olavo de Carvalho explica a hegemonia esquerdista da mídia e dos meios acadêmicos europeus. Vale a pena refletir e compartilhar!

Deixe uma resposta