São Sebastião e a Cachaça, por Reinaldo Paes Barreto Do Diário de Petrópolis https://www.diariodepetropolis.com.br/integra/reinaldo-paes-barreto-sao-sebastiao-e-a-cachaca-161018?fbclid=IwAR3nG1Lc2vcix0qewBRlDqHUfYYDOhVSS-EluJYEj0NkC9slNhH3itYBHGQ Rio, 20 de janeiro de 2019. Não, não consta que São Sebastião bebesse cachaça. Já os portugueses… Bem, a estória é a seguinte: há 452 anos, em 20 de janeiro de 1567, os portugueses Mem de Sá, (nascido em Coimbra) e…

Leia Mais

 Os analistas políticos observam os fatos políticos tout court e têm enorme dificuldade em perceber sob os mesmos os fenômenos culturais. Como por exemplo a decisão de extinguir o Ministério da Cultura e a mesma ameaça feita a EBC pelo presidente eleito. Talvez pelo vício de restringir a cultura às suas meras expressões artísticas, intelectuais, folclóricas ou…

Leia Mais

Atenção sobretudo à importância que ele dá ao modernismo como movimento de integração social brasileira, mas que foi, a nosso ver, para além de integração de classes sociais, a integração de movimentos como o romantismo e também o barroquismo. Por ocasião do Flipoços, podemos ressaltar a importância de nossos grandes barrocos modernistas como Guimarães Rosa,…

Leia Mais

O que vemos no Brasil é um grande embate entre duas grandes tradições culturais do Ocidente, o iluminismo e o barroquismo, por não conseguirmos reunir verdadeiras elites para empreender, enfim, a mudança do paradigma cultural da vã retórica populista para a ordem da razão no trato da coisa pública. Por Jorge Maranhão – 24 de Novembro de 2018…

Leia Mais

Se a baixa cultura esquerdista continuar no poder seremos condenados a uma inevitável regressão civilizatória. Pois cultivar os registros e a memória do passado significa tão simplesmente evoluir enquanto civilização. Como desde os homens das cavernas se entende agora as motivações das inscrições rupestres: documentar a vida para prosseguir a partir das experiências vividas. Por…

Leia Mais
Imprensa – No terceiro programa do Painel WW, William Waack investiga a nossa cultura de privilégio

É evidente que a cultura do privilégio existe e deve ser sempre combatida. Não apenas no Brasil, mas sobretudo em países que mantem a legitimação dos privilégios de determinadas castas ou segmentos sociais, como a Inglaterra, por exemplo, que ninguém duvida de que seja uma das democracias mais sólidas do mundo. Mas a diferença é…

Leia Mais

2º Ciclo | Caetano Veloso: Londres e São Paulo Academia Brasileira de Letras Publicado em 5 de abr de 2018 Ciclo de Conferências “As cidades dos poetas” Conferência: “Caetano Veloso: Londres e São Paulo” Coordenação: Antonio Carlos Secchin Palestrante: Antonio Carlos Secchin Data: 03/04/2018 Post Views: 406

Leia Mais