Enfim, Lula sobe ao poder e mobiliza toda uma nação a partir da promessa de que “a esperança venceria o medo”. E tem início a maior crise de decepção política da maioria dos brasileiros que acreditaram nele, o tomaram como o mito da ascensão social, da justiça e do combate a corrupção. Os brasileiros aprenderam a duras penas que não pode confiar em nenhum político no poder. Que o custo da liberdade é a eterna vigilância, como diz a célebre máxima liberal. Veja e compartilhe!

Deixe um Comentário

Você precisa fazer login para publicar um comentário.