Eleições 2018: oportuno comentário de Bruno Garschagen sobre uma nota de alerta da Casa Imperial do Brasil. Que feito para o primeiro turno das eleições, continua mais do que válido para o segundo turno.

Para quem desqualifica in limine tudo que vem dos conservadores brasileiros, é bom já ir se acostumando nesse novo rumo que a soberana maioria do povo brasileiro está inequivocamente demonstrando em suas escolhas políticas. A publicidade assumida que se faz hoje do pensamento de direita demonstra claramente que o debate público era viciado pela farsa da oposição entre a esquerda socialista e a esquerda social-democrata. Trata-se de uma ascensão expressiva para um novo patamar civilizatório entre nações que já há muitas décadas promovem uma verdadeira oposição entre progressistas e conservadores, condição sine qua non para surgir de fato uma terceira via.

Deixe uma resposta