Aos poucos começamos a resgatar a nossa alta cultura que, ao contrário do que muitos esquerdistas distorcem, não exclui a cultura popular. Mas a preserva de seus meios precários de reprodução e conservação para os meios mais perenes da forma culta. Vejam no convite do poeta e dramaturgo Geraldinho Pereira que o ciclo promete exatamente o resgate dos primeiros anos da própria ABL onde eram particularmente cultivadas as relações entre dramaturgia e literatura no novo ciclo sobre Cinema e literatura.

Deixe uma resposta