"Para além de direitos, o maior dever do cidadão é formar outro cidadão.""O maior castigo para aqueles que não se interessam por política é que serão governados pelos que se interessam." Arnold Toynbee"O momento exige que os homens de bem tenham a audácia dos canalhas." Disraeli"Cidadãos moradores, eleitores, consumidores e pagadores de impostos, uni-vos pela plena cidadania!""Mobilizando a cidadania contra o populismo.""O que me preocupa não é o grito dos maus e sim o silêncio dos bons." Martin Luther King"Não basta aos cidadãos terem responsabilidade civil.""Não basta às empresas terem responsabilidade social.""Não basta aos governos terem responsabilidade fiscal.""É preciso o compromisso de todos com a responsabilidade política, expressão de uma verdadeira cultura de cidadania.""Mobilizando a cidadania pela reforma política.""As leis inúteis debilitam as leis necessárias." Montesquieu"A verdadeira administração da justiça é o pilar mais firme de um bom governo." George Washington"Para que o mal triunfe basta que os homens de bem se omitam." Edmund Burke"Não há poder maior que o de uma ideia cuja hora chegou." Victor Hugo"Mobilizando a cidadania pela transparência pública.""É impossível para um homem aprender aquilo que ele acha que já sabe." Epíteto"Onde não há lei, não há liberdade." John Locke"As instituições do Estado e seus agentes devem servir sobretudo ao interesse público. Em caso de conflito de interesse entre cidadãos e governantes, devem servir mais aos primeiros que aos segundos.""Se um cidadão invoca a cidadania em defesa de direitos, seus deveres não podem ser ignorados." T.H. Marshall"Mobilizando a cidadania contra a demagogia." "Qualquer homem que dispõe de poder é levado a abusar desse poder; e irá até onde encontrar limites." Montesquieu"E sem saber que era impossível, ele foi lá e fez." Jean Cocteau"Nunca duvide que um grupo de cidadãos comprometidos e atuantes pode mudar o mundo." Margaret Mead"Mobilizando a cidadania contra a impunidade e a ilegalidade.""Para além de direitos, o maior dever do cidadão é formar outro cidadão.""Mobilizando a cidadania contra a imoralidade política.""O jornalismo pode e deve ter um papel no reforço da cidadania, melhorando o debate público e ressuscitando a vida pública."

"Para além de direitos, o maior dever do cidadão é formar outro cidadão.""O maior castigo para aqueles que não se interessam por política é que serão governados pelos que se interessam." Arnold Toynbee"O momento exige que os homens de bem tenham a audácia dos canalhas." Disraeli"Cidadãos moradores, eleitores, consumidores e pagadores de impostos, uni-vos pela plena cidadania!""Mobilizando a cidadania contra o populismo.""O que me preocupa não é o grito dos maus e sim o silêncio dos bons." Martin Luther King"Não basta aos cidadãos terem responsabilidade civil.""Não basta às empresas terem responsabilidade social.""Não basta aos governos terem responsabilidade fiscal.""É preciso o compromisso de todos com a responsabilidade política, expressão de uma verdadeira cultura de cidadania.""Mobilizando a cidadania pela reforma política.""As leis inúteis debilitam as leis necessárias." Montesquieu"A verdadeira administração da justiça é o pilar mais firme de um bom governo." George Washington"Para que o mal triunfe basta que os homens de bem se omitam." Edmund Burke"Não há poder maior que o de uma ideia cuja hora chegou." Victor Hugo"Mobilizando a cidadania pela transparência pública.""É impossível para um homem aprender aquilo que ele acha que já sabe." Epíteto"Onde não há lei, não há liberdade." John Locke"As instituições do Estado e seus agentes devem servir sobretudo ao interesse público. Em caso de conflito de interesse entre cidadãos e governantes, devem servir mais aos primeiros que aos segundos.""Se um cidadão invoca a cidadania em defesa de direitos, seus deveres não podem ser ignorados." T.H. Marshall"Mobilizando a cidadania contra a demagogia." "Qualquer homem que dispõe de poder é levado a abusar desse poder; e irá até onde encontrar limites." Montesquieu"E sem saber que era impossível, ele foi lá e fez." Jean Cocteau"Nunca duvide que um grupo de cidadãos comprometidos e atuantes pode mudar o mundo." Margaret Mead"Mobilizando a cidadania contra a impunidade e a ilegalidade.""Para além de direitos, o maior dever do cidadão é formar outro cidadão.""Mobilizando a cidadania contra a imoralidade política.""O jornalismo pode e deve ter um papel no reforço da cidadania, melhorando o debate público e ressuscitando a vida pública."

Doações a projetos sociais com dedução do Imposto de Renda – Serasa e Gife

O Gife – Grupo de Institutos, Fundações e Empresas acaba de lançar em seu site uma Calculadora On-Line, para que institutos e empresas possam identificar instantaneamente o seu potencial aproximado para patrocínios ou investimento social privado beneficiados por diversas leis de incentivo. A calculadora permite que as empresas digitem os valores pagos de impostos e consigam, instantaneamente, ter uma estimativa do seu potencial para patrocínios com incentivo fiscal nos âmbitos federal, estadual e municipal.

Dentre outros especialistas, Eduardo Pannunzio, Coordenador do Programa Marco Legal do Terceiro Setor e Políticas Públicas do GIFE, colaborou também para uma outra iniciativa que envolve o Imposto de Renda e como utilizá-lo para ajudar crianças e adolescentes.

Estamos falando do “Guia Serasa de Orientação ao Cidadão – Saiba como seu Imposto de Renda pode construir e garantir um futuro melhor para crianças e adolescentes do Brasil”, que acaba de ser lançado e que será distribuído gratuitamente no Serviço Serasa Gratuito de Orientação ao Cidadão em todo o país.

O Guia, numa linguagem bastante didática, revela que há um meio – praticamente ignorado no país – de financiar iniciativas sociais voltadas para o apoio à criança e ao adolescente no Brasil. Os contribuintes, sejam eles pessoas físicas ou jurídicas, podem, por lei, fazer doações a projetos sociais voltados a esse público, e deduzi-las do Imposto de Renda a pagar. No entanto, segundo estimativas da Receita Federal, apenas 0,09% do que hoje é deduzido nas declarações tem esse destino.

A intenção do guia é, justamente, orientar o contribuinte e mostrar como fazer para destinar parte de seu Imposto de Renda a projetos voltados para a infância e a juventude. E uma das formas de doação são os Fundos de Direitos das Crianças e dos Adolescentes. A Lei 8.069/90 (Estatuto da Criança e do Adolescente) possibilita a dedução, do imposto devido na declaração do imposto sobre a renda, do total das doações efetuadas aos Fundos dos Direitos da Criança e do Adolescente.

Doações feitas por pessoas jurídicas poderão ser deduzidas do Imposto de Renda mensal limitado a 1% do imposto devido.

As doações feitas por pessoas físicas são limitadas a 6% do imposto de renda devido e desde que:
a) estejam munidas de documentos comprobatórios das doações, emitidos pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente;
b) sejam optantes pela Declaração de Ajuste Anual no modelo completo;
c) O valor da doação, somado aos pagamentos referentes ao incentivo à cultura e ao incentivo à atividade audiovisual, não poderá ultrapassar 6% do imposto apurado na declaração.

Aqui na Voz do Cidadão os cidadãos consumidores têm um link direto para o site da Serasa, o www.serasa.com.br, onde vocês encontram esta e outras publicações da entidade sobre o tema de Educação Financeira, além da lista com todos os pontos de atendimento em todo o país. Temos também um link para o site do grupo Gife, que é o www.gife.org.br, onde os interessados encontram a Calculadora On-line.

Acessem e participem!

Deixe um Comentário

Você precisa fazer login para publicar um comentário.

%d blogueiros gostam disto: