Sobretudo o que temos ainda de evoluir para transformarmos nossa cultura política em benefício dos cidadãos que sustentam os privilégios e mordomias repugnantes de nossas raposas sugadoras das tetas de um Estado a serviço deles mesmos e das corporações de sua nomenclatura, menos aos cidadãos que pagam as contas. E compartilhe!

Claudia Wallin, para a Globonews:

Duas vezes primeiro-ministro da Suécia, Ingvar Carlsson vive em um pequeno apartamento de um modesto condomínio da periferia de Estocolmo, onde a lavanderia é comunitária e não há serviçais. É o mesmo lugar onde ele já vivia nos tempos em que era vice-primeiro-ministro, quando todos os dias Carlsson tomava o ônibus para o trabalho, na sede do Governo sueco. “Um político tem que praticar o que ele prega”, ele diz. Para Carlsson, a criação de uma democracia ética é responsabilidade de todos os cidadãos: “Cada indivíduo tem o dever de assumir responsabilidade pelos rumos da sociedade. Todos os cidadãos devem participar da política. Não é um caminho glamoroso. Mas é assim que se constrói uma democracia”.

Deixe um Comentário

Você precisa fazer login para publicar um comentário.