Meu amigo, se você não consegue entender o que há por trás do discurso “conservacionista” europeu, você é MUITO mais burro do que imagina. 

A Europa está acabando. Se você ainda não percebeu, deve ter passado os últimos anos em Marte. 
O Velho Continente, outrora terra de bravos conquistadores, se reduziu a um punhado de emasculados progressistas, que está sendo tomado pelo Islã. 

No pós guerra, tiveram que “engolir” os EUA se tornando uma superpotência, superando a toda-poderosa Inglaterra. Agora, vêem a tendência do mesmo acontecer com o Brasil e, é lógico, vão estrebuchar para impedir. 

Para eles, nunca passamos de meras colônias. Quem duvida, é só ouvir Macron dizendo que “NOSSA CASA queima”. 
“Nossa Casa” é o cazzo, caro jacobino. A amazônia é a casa dos BRASILEIROS. Vocês têm que se preocupar com os seus refugiados incendiando suas igrejas, não com as NOSSAS florestas. 

A conversa de “sanções” ecológicas, vinda de um continente que ainda tem 50% de sua energia gerada pela queima de combustível fóssil, chega a ser uma piada de mal gosto. 
Querem é atingir nosso agronegócio e, assim, nos colocar na “coleira” colonialista, de onde, para eles, não deveríamos ter a ousadia de tentar sair. 

Temos praticamente 90% da nossa floresta Amazônica preservada. Aliás, todos os 6 biomas brasileiros ainda sobrevivem. Mais de 90% da nossa energia é limpa e renovável. Emitimos menos CO2 do que EUA, China, Índia, Rússia, Coreia do Sul e União Europeia. A engajada França emite 4,57 toneladas métricas de carbono. A “ecologicamente correta” Alemanha 8,89 toneladas. Nós, com nossas proporções continentais, emitimos 2,59 toneladas. 
Ainda assim, eles, que DESMATARAM, NO ÚLTIMO SÉCULO, 9 MILHÕES DE HECTARES, querem nos ensinar a cuidar do meio ambiente. 

O discurso de “Amazônia pulmão do mundo” já foi tão exaustivamente repetido que, para muitos, tornou-se verdade. Faltou apenas comparecerem às aulas de biologia e aprenderem que são as ALGAS MARINHAS que, através da fotossíntese, liberam mais oxigênio do que consomem. E as algas marinhas estão nos oceanos, onde são despejados 9 MILHÕES DE TONELADAS DE LIXO, todos os anos. 
Cadê as ONGs europeias cuidando dos mares?

O que a Europa quer é que sejamos uma colônia subserviente, que permita que se apossem do SUBSOLO e dos RECURSOS NATURAIS das nossas florestas, como fizemos até então.
Além das incalculáveis riquezas minerais e vegetais, com a Era do Petróleo chegando ao fim e a população mundial crescendo exponencialmente, a ÁGUA será o próximo ouro e, nesse ponto, nossa Amazônia é a nova Arábia Saudita. 

Va te faire foutre, Macron!
Arschficken, Merkel!

“Desconfio de todo idealista que lucra com seu idealismo.”
(FERNANDES, Millor). 

Felipe Fiamenghi – 23/08/2019

Deixe um Comentário

Você precisa fazer login para publicar um comentário.