A imprensa que embrulha. Ou a pobreza de nosso jornalismo “progressista”                                                                                          Jorge Maranhão Antigamente os jornais eram de papel. Tinham ao menos uma serventia secundária, ou até mesma prioritária para os cadernos que não nos interessavam, de se usar para embrulho de compras e para a exímia arte de empacotar ou forrar as caixas…

Leia Mais