A cidadania responsável brasileira tem de respeitar definitivamente a ordem legal, alerta a jurista Janaína Paschoal, contra mais uma torção dos valores da legalidade diante da moralidade pública que se está a exigir. O vício no costume pátrio de legisferar pelo casuísmo demonstra bem que excesso de leis espúrias só nos garante a derrocada civilizatória. Reflitam e compartilhem!

Deixe uma resposta