<% Response.Buffer = TRUE %> A Voz do Cidadão
<% If Session("typeUser") = "ADM" OR Session("typeUser") = "PUB" Then %> <% Else %> <% End If %>
 
 

Qual é a diferença entre remédio genérico e similar?

Pesquisa divulgada esta semana (pela consultoria Ipsos Health) mostrou que quase toda a população já ouviu falar sobre os medicamentos genéricos: especificamente, 99% dos entrevistados. Porém, 67% afirmam desconhecer os detalhes da composição.

Ao todo, foram entrevistadas quase 4 mil pessoas de todas as regiões brasileiras, por meio de contato direto e também pela internet . A maioria dos que responderam (83%) disse confiar tanto nesse tipo de produto quanto nos de marca.

De acordo com a Associação Brasileira das Indústrias de Medicamentos Genéricos (Pró Genéricos), esses medicamentos com preços até 50% menores do que os praticados no mercado são cópias de outras fórmulas cujas patentes já expiraram.

Já os similares, embora tenham o mesmo princípio ativo dos genéricos (cópias de patentes vencidas), só podem ser comprados com receita médica. Isso porque os produtos não são submetidos aos mesmos testes dos genéricos, o que não garante ao usuário a mesma eficácia clínica dos remédios de marca ou dos genéricos.

Em outras palavras: para conseguir um remédio genérico, basta o consumidor ter em mãos a receita com remédio de marca e, quando chegar na farmácia, pedir o seu genérico. Já para comprar um similar, é necessário que na receita esteja especificamente escrito o nome desse similar, sob responsabilidade do médico que o pediu.

A Pró Genéricos informou ainda que, entre janeiro e abril deste ano, foram comercializadas 69,7 milhões de unidades desse tipo de medicamento, contra 55,6 milhões em igual período de 2006 - uma expansão de 25,3%. A participação desses produtos ficou com 14,7% do mercado total, o que mostra alta de 2,2 pontos percentuais ante os 12,47% verificados no final do primeiro quadrimestre de 2006.

Aqui na Voz do Cidadão colocamos à disposição dos internautas a tabela atualizada de correspondência entre medicamentos de marca e seus correspondentes em genérico, para vocês saberem se o remédio que precisam já está disponível na versão mais em conta.

Temos também um link direto para o site da Associação Brasileira das Indústrias de Medicamentos Genéricos, a Pró Genéricos, o www.progenericos.org.br. Lá vocês têm muitas outras informações sobre produtos genéricos, incluindo um glossário de termos específicos.

Acessem e conheçam!