Bomba nas redes o oportuno esquete de Silvio Matos sobre a patrulha esquerdista do politicamente correto. E adverte para a quebra do princípio da autoridade e do respeito a ordem e a hierarquia. Vale a pena a reflexão sobre a idolatria do Estado. O Estado não é Deus. Sequer um bezerro de ouro. É quebrado facilmente, seja por fanatismo progressista, seja por gestão ruinosa dos recursos públicos. Moralistas de costumes privados quase sempre desprezam a moralidade na condução da coisa pública! (333)

Deixe uma resposta